Crianças e bebês

Criança com mala em aeroporto

Crianças desacompanhadas

As companhias aéreas permitem que crianças viajem desacompanhadas de um adulto. Além do documento de identificação, é preciso apresentar uma autorização do Juizado da Infância e da Adolescência — para obtê-la, o pai, a mãe ou o responsável legal devem comparecer com seus documentos à Vara da Infância e da Juventude. Cada companhia tem diferentes regras e idades mínimas. Confira:

AZUL
Crianças de 5 a 11 anos podem viajar sozinhas somente em voos domésticos. A taxa é de R$ 200 e é preciso apresentar a autorização do Juizado da Infância e da Adolescência.
GOL
Crianças de 5 a 12 anos podem viajar sozinhas. A taxa é de R$ 149 para voos nacionais e R$ 349 para internacionais e é preciso apresentar a autorização do Juizado da Infância e da Adolescência e a autorização fornecida pela companhia.
LATAM
Crianças de 8 a 11 anos podem viajar sozinhas. A taxa é de R$ 140 para voos domésticos e US$ 150 para internacionais e é preciso apresentar a autorização do Juizado da Infância e da Adolescência.
MAP
Crianças de 5 a 12 anos podem viajar sozinhas, não é cobrado taxa extra e é preciso apresentar a autorização do Juizado da Infância e da Adolescência.
VOEPASS
Crianças de 5 a 12 anos podem viajar sozinhas, não é cobrado taxa extra e é preciso apresentar a  autorização do Juizado da Infância e da Adolescência.

Para mais informações, acesse o site da AZUL, GOL, LATAM, MAP e VOEPASS.

Atenção! Se a criança for viajar desacompanhada com empresas estrangeiras (por exemplo, depois de uma conexão), é preciso consultar as companhias aéreas envolvidas, porque algumas não permitem o embarque de menores de 12 anos desacompanhados dos pais ou de um representante legal.

Adolescentes viajando sozinhos

Uma nova lei do Estatuto da Criança e do Adolescente determina que adolescentes de 12 a 16 anos também precisam apresentar autorização do Juizado da Infância e da Adolescência para viajar dentro do Brasil sem acompanhante — regra válida para voos para fora de seus estados. Leia mais aqui.

Somente adolescentes com mais de 16 anos podem viajar sozinhos sem apresentar autorização dos responsáveis. Eles precisam apenas portar um documento de identificação civil com foto (como RG ou passaporte; original ou cópia autenticada). Atenção: a certidão de nascimento não é aceita.

Para voos internacionais, adolescentes de todas as idades devem apresentar passaporte (ou RG no caso de viagens a países do Mercosul), visto (quando o país de destino exige) e autorização de ambos os pais. As companhias AZUL, GOL e LATAM aceitam autorização de cartório, com firma reconhecida, judicial ou consular. A AZUL cobra uma taxa para o embarque de adolescentes desacompanhados: R$ 200 para voos na América do Sul, US$ 100 para aos Estados Unidos e € 100 para a Europa.   

Mais informações nos sites da AZUL, GOL e LATAM .